Sustentabilidade: uma questão de princípio

Uma coletânea com os cases das iniciativas de turismo sustentável mais bem-sucedidas do país em 2015 foi apresentada nesta quarta-feira (30) pela Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa) durante a WTM, uma das feiras mais importantes do setor, em São Paulo. A iniciativa, realizada em parceria com o Ministério do Turismo, teve como grande vencedor a Pousada Flutuante do Uacari ganhou o Prêmio Meios de Hospedagem e Top Sustentabilidade da Braztoa. A Agência Turismo de Notícias apresenta essa impressionante iniciativa no coração da Amazônia.

Continuar lendo Sustentabilidade: uma questão de princípio

Braztoa premia inovadores em sustentabilidade

Após lançar os números do Anuário Braztoa 2016, a entidade celebrou os cases de sustentabilidade de destaque no último ano. A diretora executiva da entidade, Monica Samia, destaca que o tema integra o tripé socioeconômico, cultural e ambiental em que a associação acredita e investe.

3365c05c27a0ca9c784b20b2b3c4d121-6432wtm300316
A ocasião contou com as presenças do diretor executivo da Organização Mundial do Turismo (OMT), Márcio Favilla, da diretora de Gestão de Desenvolvimento do Senac, Jéssica Kobayashi, e da coordenadora geral de Turismo Responsável do Ministério do Turismo, Isabel Barnasque.

“O nosso principal objetivo é compartilhar ideias, incentivar o aprendizado, a inspiração e a reflexão para provocar discussões que impactem os profissionais e seus negócios”, salientou Monica, para, em seguida, destacar a importância da sustentabilidade para o desenvolvimento da economia brasileira.

Confira os vencedores abaixo.

Continuar lendo Braztoa premia inovadores em sustentabilidade

Aumenta número de pontos próprios para banho nas praias catarinenses

As análises feitas pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma) e divulgadas nesta sexta-feira, 18, apontam que houve um pequeno aumento no número de pontos próprios para banho. Dos 211 locais avaliados, 143 estão próprios para banho – dois a mais que na semana anterior. As análises feitas nos dias 14, 15 e 16 de março, mostram que Florianópolis tem 45 pontos em boas condições e 30 estão impróprios. Nas demais regiões, 98 estão próprios e 38 devem ser evitados. As análises semanais encerram-se em 1º de abril.

No 13º relatório desta temporada, cinco pontos passaram a ser próprios e três impróprios. “Os números se mantêm estáveis, apenas com alterações pontuais em locais que sempre apresentam sazonalidade”, explica o técnico do laboratório da Fatma e responsável pela balneabilidade, Marlon Daniel da Silva.

Como é feito

Para fazer o relatório, a Fatma conta com a ajuda do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina que coleta as amostras. Para dizer se um ponto é próprio ou impróprio para banho, é necessário comparar os resultados das análises feitas em amostras, coletadas cinco vezes consecutivamente. O fator analisado é a presença da bactéria Escherichia Coli, presente em fezes de animais e humanos e que pode causar doenças, além de indicar a possibilidade de outros organismos que podem prejudicar a saúde do banhista. Quando em 80% das análises, a quantidade de bactérias ficou inferior a 800 por 100 mililitros, o ponto é considerado próprio.

As análises são feitas nos municípios de Araranguá, Bal. Arroio do Silva, Bal. Gaivota, Bal. Camboriú, Bal. Da Barra do Sul, Bal. Rincão, Barra Velha, Biguaçu, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Gov. Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Passo de Torres, Penha, Piçarras, Porto Belo, São Francisco do Sul e São José. O próximo relatório será divulgado na sexta-feira, 19.

Fonte: Governo de Santa Catarina